Basta de especulação!

É lugar comum a afirmar-se que vivemos uma época de mudança. Porém, a mudança mais significativa que se pode registrar é a do modo como vemos a realidade e como nela  participamos, para estabelecermos a  sua construção. As sociedades há muito que tomaram  consciência que o autoritarismo, a centralização,  o conservadorismo, a óptica do dividir para reinar, já não faz sentido, por conduzirem ao desperdício, ao imobilismo, ao activismo inconsequente, à desresponsabilização dos  actos e  resultados.

Essa mudança de paradigma é marcada por uma forte tendência à adopção de concepções e práticas interactivas, participativas e democráticas, caracterizadas por movimentos dinâmicos e globais, com os quais, para determinar as características de produtos e serviços, interagem, na busca de soluções dos  problemas e alargamento de horizontes.

Embora esse enfoque não seja plenamente adoptado e, quando levado em consideração, seja orientado, ainda, por um paradigma  de egoísmo em vez de participação.

São necessárias  mudanças urgentes, para que a especulação dos preços dos combustíveis aproveitado pela GALP, seja  denunciado, para isso é necessário a participação de todos ao boicote no abastecimento nas áreas de serviço da GALP.  

A GALP está consciente que este movimento a pode prejudicar, por isso já pôs em marcha uma campanha publicitaria de sentido contrário, onde se vê muitas pessoas a empurrarem para frente um balão com o símbolo da empresa, publicidade essa que pode ser vista à saída de algumas estações de metro em Lisboa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: