Paulo Portas para dar credibilidade a sua brincadeira de querer parecer um politico, chega a ser mais ridículo do que já é…

Esta, é a oposição à direita deste País!

Enquanto Manuela Ferreira Leite diz que o País não tem dinheiro, Paulo Portas que continua a brincar aos políticos, quer saber quanto é que o estado arrecadou a mais em impostos com a crise dos combustíveis.

4 Respostas to “Paulo Portas para dar credibilidade a sua brincadeira de querer parecer um politico, chega a ser mais ridículo do que já é…”

  1. JP Says:

    Mas alguém dá importância ao Paulinho das bombas que a andar e a contactar com as pessoas parece um puto armado em homem

  2. Anti-traste Says:

    E tu, JP, não queres saber?
    Quantos milhões é que, por dia, os portugueses pagam de impostos?
    Eu gostava de saber… porque também pago.
    O (des)governo é que não responde a nada.
    Quer adormecer-nos na sua conversa. Mas já não pega.
    Viram José Sócrates, na entrevista, mais ‘soft’, mais manso, deixando claro que já nem ele acredita no que diz?
    Ou não viram?
    Desvia-se e procura desviar a atenção dos portugueses.
    Mas o Zé não dorme…
    Só não vê quem não quer…

  3. JP Says:

    Traste vai continuando com o teu blá, blá básico até 2009, porque sei que és incapaz de ver as coisas com olhos de ver, sem as demagogias do costume dos comunas.
    Vai lá ter ler a cartilha do Jerónimo para ver se vens agora com o comentário do desemprego, como o teu camarada veio agora
    Traste, traste, és mesmo um traste!
    Que sejas burro ainda te perdoo, comuna é que não!

  4. Anti-traste Says:

    Camarada, companheiro JP, ou o qu quer que sejas.
    Serei comuna?
    Olha que não!…
    Tens medo dos comnistas?
    Disseram-te que os comnistas comiam criancinhas ao pequeno almoço?
    Olha que não!…
    Ainda não passate 1974?
    Que pena!…
    Cresce… e liberta-te.
    Podes cantar a “Grândola” ou a “Gaivota”.
    Vais ver que te sentes muito melhor.
    Se não gostares, odes cantar “As Meninas da Ribeira do Sado”. Se calhar adaptas-te melhor, sei lá!…
    Não reprimas os teus impulsos…
    E vê lá se o teu chefe esclarece qualquer coisita sobre os impostos que arrecada e o que faz com eles… É que a vida está cada vez pior e o Zé não é burro de carga, embora queiras que o seja!…
    Vê lá, faz um esforço.
    Vais ver que não te arrependes.
    Abraços!…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: