Até na morte se vê como é “democrata” o PCP…

O PCP ignora a morte Alexandre Soljenitsyne, prémio Nobel da literatura, que foi perseguido na ex-União Soviética por denunciar os crimes do estalinismo, em contrapartida considera aqui, a morte de Harkishan Singh Surjeet dirigente histórico do partido comunista da Índia, amigo de Álvaro Cunhal, com um profundo pesar e fraternal solidariedade com o falecimento.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: