“Facilitismo” na Matemática

Neste fim de semana Nuno Crato deu uma entrevista ao “Jornal de Negócios” em que acusa de  gravíssimo o facilitismo na Matemática.

Esta acusação fez-me lembrar este Post que transcrevo a seguir, que li no Blog “Faz tudo como se alguém te contemplasse. Epicuro”

«Matemática: Estudantes portugueses conquistam medalhas de bronze nas Olimpíadas Internacionais

Dois estudantes portugueses do 11º ano conquistaram medalhas de bronze nas Olimpíadas Internacionais de Matemática, a decorrer desde dia 10 em Madrid, naquela que foi a segunda melhor prestação nacional de sempre.

Segundo a Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM), “duas medalhas de bronze e uma menção honrosa foram o saldo da participação portuguesa nas 49ª edição das Olimpíadas Internacionais de Matemática”, sendo este resultado “o segundo melhor do país na competição”, abaixo apenas do de 2006, “quando foram conquistadas três medalhas de bronze e uma menção honrosa”.

Lisboa, 20 Jul (Lusa)

Será que foi a ministra da Educação que fez pressão para as provas serem fáceis?»

2 Respostas to ““Facilitismo” na Matemática”

  1. Fernando Martins Says:

    A estatística é tramada: se o tretas comer 1 galinha e o Nuno Crato não comer nada estatisticamente comeram os dois meia galinha…

    O problema dos exames vergonhosamente fáceis (o tretas deu-se ao trabalho de os tentar resolver…?) é que acabam com os excelentes alunos (com que incentivo se vai para um exame em que um aluno de 14 e outro de 19 em que ambos conseguem 20?). Se continuamos a ter excelentes alunos, como provam os resultados das Olimpíadas, deve-se ao facto de termos (ainda…) excelentes alunos, que recusam o facilitismo, de termos (ainda…) famílias que promovem o trabalho e de termos alguns professores de matemática excelentes.

    PS – só lhe ficava bem falar aqui do Plano da Matemática, que a Ministra gabou nos Telejornais e que em NADA contribuíram para os excelentes resultados de alguns exames de Matemática…

  2. António Sequeira Says:

    Será que o Nuno Crato é um idiota que não percebe nada do que fala? Se se não, será desonesto? Será que é o unico que defende aquela posição? Se não, será que os que o acompanham são todos ignorantes ou desonestos?
    Será que não foi a Ministra da Educação (de jure) que fez pressão para que as provas fossem fáceis? Se não, não terá sido o Ministro da Edução (de facto) Walter Lemos, a fazê-la?
    Será que só há uma única verdade, a oficial?
    Enfim dúvidas, para mim; certezas absolutas para o Tretas.
    Saúde!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: