Relativamente à “reentré” politica de Mário Nogueira secretário geral da federação comunista de professores (Fenprof), “O Jumento” tem a seguinte opinião:

«Mário Nogueira aproveitou-se dos professores que não foram colocados e fez uma das suas acções, agora junto a um centro de emprego para denunciar a precariedade no sector. Aproveitou para desvalorizar as medidas positivas no sector face ao desemprego, o que não é nada de novo, a defesa corporativa leva-o a considerar que o primeiro objectivo das escolas é empregar professores.

Mas dizer que há precariedade no sector é um abuso, há muito que há professores no desemprego e tal acusação nunca foi feita. A não ser que Mário Nogueira considere que o Estado e os contribuintes devem pagar a professores para os quais não há alunos.»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: