O poder da chantagem…

Qualquer membro de uma classe profissional que usufrui de remunerações pagas pelo erário público, que utiliza a sua posição, para manter os seus privilégios chantageando o Estado, deveria ser responsabilizado judicialmente e consequentemente dispensado da sua prestação de serviços.

17 Respostas to “O poder da chantagem…”

  1. VG Says:

    Não devias gozar com o moço que fazia a contabilidade (ou lá o que era…) ao dr. eng.º Albino…

  2. JP Says:

    Esse moço é Professor ou Juiz?

  3. João Duarte Says:

    Está a refereir-se ao professores , não?

  4. VG Says:

    Não, sou engenheiro.

  5. anti-tretas Says:

    João Duarte
    Não só, mas também! Apesar do poder dos Professores ser pouco relevante para fazerem chantagem…

  6. João Duarte Says:

    Exacto. O poder dos professores é pouco relevante, agora

  7. VG Says:

    Os professores não têm interesse nenhum – o que vale agora é os engenheiros e os Encarregados de Educação.

  8. JP Says:

    VG o seu comentário é estúpido

    Fala assim porque deve ter algum trauma de não ser Encarregado de Educação, mas
    para se ser Encarregado de Educação basta ter e filhos e gostar deles, porque quem não gosta dos filhos, não é EE,
    Para acabar VG qualquer professor e profissional de qualquer área que é um pai ou mãe que gosta dos seus filhos e consequentemente Encarregado de Educação, gosta muito mais dos seus filhos do que a sua profissão!

  9. VG Says:

    Caro JP: Por acaso sou Encarregado de Educação – estou é enojado com as palhaçadas do Governo (quantas vezes o engenheiro – ou lá o que ele é – prometeu milhões para as Escolas este ano?).

    Não há pachorra para tanta mentira, palhaçada, dinheiro mal gasto em electrodomésticos em época de eleições e inaugurações quando ainda há fome em muitas Escolas, quando o rigor e exigência estão ser proibidos e cada dia a Escola se afunda mais.

  10. anti-tretas Says:

    Aquilo que mais me impressiona nestes comentários de professores é a sua desonestidade intelectual !
    Os mesmos que sempre estiverem nas tintas para a escola enquanto não lhes mexerem no bolso e nas promoções à balde, vêm agora hipocritamente evocar a sua preocupação com os milhões, o rigor e excelência.
    Ao menos tenham honestidade de assumir, se não tivessem mexido nos seus privilégios, continuava tudo “bem” como sempre esteve desde 74.

  11. VG Says:

    Caro tretas: tu és um bocado parvo e limitado, não és? Onde disse que sou professor…?

    As obsessões são tratáveis – e no meu ramo de trabalho – Psicologia – com muito esforço o teu problema resolvia-se.

  12. Paulo Costa Says:

    VG se não és professor imitas muito bem, até atacas gratuitamente os Encarregados de Educação, sendo um EE.
    Se realmente não és professor, então deves ser um doente mental!

  13. anti-tretas Says:

    Será que o VG é o psicólogo da treta que andou por aqui durante uns tempos a fazer comentários?

  14. VG Says:

    Caro anti-tretas e sucedâneos (ou heterónimos):

    Qualquer pessoa que passe algum tempo numa Escola Pública nestes tristes dias e tenha dois dedos de testa percebe o que se passa: professores encafuados na Escola mais de 30 horas por semana (na semana passada estive com um professor que entrou na Escola às 08.30 e saiu às 20.30, com 45 minutos de almoço na cantina), muita papelada e pouco do que é importante: dar aulas, ensinar e dar atenção aos jovens.

    Os computadores, a Internet rápida, os quadros electrónicos e aulas de substituição são meios, não são um fim em si – e quem não percebe isto, neste Blog masturbatório (oh como o Sócrates e Milu são bons!!!!) e insulta quem comenta merece uma resposta no mesmo tom.

    Quanto a atacar EE – há os excelentes, com quem trabalho regularmente, os com problemas mas que tentam resolver, os desinteressados e os albinos, que recebem ordem de quem lhes paga e actuam conforme as ordens da patroa – eu só ataco os últimos.

    Já no que diz respeito a psicólogos de treta, marque uma consulta (se for comigo eu, no seu caso, com os seus comportamentos obsessivos, faço um desconto…) e se não gostar queixe-se à minha Ordem (sim, que eu não tirei o curso por Fax na Universidade da Farinha Amparo).

  15. JP Says:

    O VG pelos vistos não passa algum, mas muito tempo na escola! O trauma dele é que gostava mais de ser psicólogo.
    Ele que é um sucedâneo de profs ou heterónimo, tem a lata de vir para aqui armado em psicólogo para parecer que há muita gente solidária com os guinodocentes
    Muitos doentes que se dizem psicólogos, entram aqui!

  16. anti-tretas Says:

    VG por muito que queira ser original, já me habituei a algum tempo neste espaço com comentários de profs que se dizem psicólogos, que recorrem a este espaço para fazerem auto-terapia.

  17. anti-tretas Says:

    Aqui os psicólogos da treta acabam sempre a falar sozinhos…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: